» FlashSB / Notícias / Cidadania
13.05.2019 - 46 clique(s)
Prefeitura aguarda votação do projeto do concurso público
 // compartilhar

A segunda-feira (13/05) é de expectativa na administração municipal. Isto porque é o dia previsto para votação, na Câmara de Vereadores, de projeto visando à realização de concurso público destinado ao preenchimento de 303 vagas. “Estamos cumprindo um compromisso assumido e, graças a um esforço orçamentário e de gestão, num momento de crise geral, vamos realizar o maior concurso público da história do município”, destaca o prefeito Eduardo Bonotto.


O maior número de vagas é para o cargo de serviços gerais, são 120 vagas, a exigência é Ensino Fundamental. A Prefeitura abrirá 110 vagas para professores: 12 para professores de Português, Inglês ou Espanhol; nove para Matemática; 10 para História e Geografia; seis para Ciências; cinco para Educação Especial; cinco para Educação Física; um Orientador Educacional/ cinco supervisores e 57 docentes de Pedagogia. É preciso formação específica e a remuneração básica/20 horas é de R$ 1.415,01, mais senha alimentação.


O concurso tem, entre as novidades, a criação de cargos novos. É o caso de um cargo de arquivista, níveis superior (básico de R$ 2.302,69, mais vale-refeição). Outra novidade é um cargo de turismólogo (nível superior e igual remuneração). Com salário idêntico e exigência de nível superior, também será oferecida vaga de psicopedagogo.


Em outros setores, normalmente com grande disputa, os candidatos terão um número significativo de vagas. A função de Agente Administrativo Auxiliar coloca 10 vagas à disposição; mesmo número para Motorista; Fiscal Ambiental (novidade), será uma vaga. Outros exemplos são cargos para arquiteto, agente administrativo, analista de tecnologia da informação, técnico em informática, advogado e auditor fiscal. A lista inclui também oportunidades para eletricista, pedreiro, calceteiro, mecânico, desenhista, topógrafo e fiscal de renda.


Uma vez o projeto sendo aprovado pela Câmara de Vereadores e transformado em lei pelo prefeito, haverá licitação para definição da empresa que coordenará a realização do concurso. As etapas serão lançamento de edital com as regras e inscrições ao certame, para, finalmente, serem aplicadas as provas de seleção dos candidatos.


Os estudos visando à implementação do processo vêm vários meses. Uma comissão de trabalho, presidida por Cristiano Wurfel e acompanhamento do secretário de Administração, Plínio Klein, aprontou os estudos, no início de abril, levando o prefeito Bonotto e o vice-prefeito Roque Feltrin às deliberações finais.

Fonte: DECOM

 // confira outras notícias
 // comentrios

© 2018 - FlashSB - Levando São Borja para o mundo!
João Manoel, 2600 - Centro - São Borja / RS
Telefones: (55) 3431- 3960 / (55) 9 9962-1270
Desenvolvido por Index1