» FlashSB / Notícias / Geral
12.03.2019 - 238 clique(s)
Ex-frei Irineu Costella está casado com pastora da Igreja Luterana
 // compartilhar

Ex-frei Irineu Costella está casado com pastora da Igreja Luterana
Irineu Costella ex-pároco das igrejas da paroquia de São Geraldo em Ijuí, das igrejas Santo Antônio e São Judas Tadeu, da Capital, casou-se em fevereiro deste ano com pastora da Igreja Luterana. Ele tem 68 anos e ela 36 anos.

Cerimônia de casamento dos noivos Irineu Costela , Ana Isa dos Reis. com a presença de familiares e amigos, no início de 2019.
Para Irineu sua esposa é dotada de muitas qualidades, pessoa extraordinária. Ele está com 68 anos e Ana Isa tem 39. Pretendem aumentar a família. O casal reside em Blumenau, para o ex-frei , que está tranquilo e muito feliz.





ISegundo Irineu sua esposa é dotada de muitas qualidades, pessoa extraordinária. Ele está com 68 anos e Ana Isa tem 39. Pretendem aumentar a família. Hoje o casal reside em Blumenau, ambos atuam juntos em missão religiosa.
O ex-frei é pessoa muito conhecida na comunidade católica do estado, atuou em Ijuí, na paroquia São Geraldo, desde 2008, ocasião em que conheceu Ana, como pastora da Igreja Luterana. Em Porto Alegre esteve a frente da Igreja Santo Antônio e São Judas Tadeu, também esteve em Caxias do Sul. Esse período em que se distanciaram, parece ter contribuído para alertar sobre o sentimento novo e recíproco que despontou entre o então frei e a pastora. Com seriedade, diante da decisão por eles tomada, . Irineu optou por tomar as medidas necessárias , para que tudo fosse devidamente comunicado a seus confrades, ao resolver deixar a batina. Não encontrou dificuldade e sua decisão foi compreendida e respeitada. Muitas pessoas rezaram para que sua opção desse certo pelo lado afetivo e pela missão que assumiria ao lado da pastora. Afastado da Igreja desde janeiro de 2019, Irineu Costella aguarda o desligamento oficial, que ocorrerá em um ano, com o encaminhamento do pedido à Santa Sé, no Vaticano. Ele entende que, a decisão é definitiva, pois seria correto mudar de ideia, pois não pensa em cometer irresponsabilidade para com a sua esposa.
— É difícil que eu volte. Seria uma irresponsabilidade com ela (Ana) e eu desaprovaria toda a minha vida. Referindo-se ao seu sacerdócio comenta: Não tinha insatisfação. Só muita gratidão à Igreja Católica. Sempre fui muito feliz. Não havia problema com a Igreja. Pensamos juntos, e nossa decisão era de trabalharmos juntos e contrair matrimônio. Eu queria estar completamente ao lado da minha esposa. Me sentiria mal se ela fizesse o culto aqui enquanto eu frequentasse a missa católica.

 // confira outras notícias
 // comentrios

© 2018 - FlashSB - Levando São Borja para o mundo!
João Manoel, 2600 - Centro - São Borja / RS
Telefones: (55) 3431- 3960 / (55) 9 9962-1270
Desenvolvido por Index1