» FlashSB / Notícias / Prefeitura Municipal
30.01.2019 - 151 clique(s)
Vigilância Sanitária realiza monitoramento de focos de escorpiões na cidade
 // compartilhar

Na semana passada, a Secretaria Municipal de Saúde por meio da Vigilância Sanitária realizou uma inspeção em residências no Bairro do Passo para verificar uma possível infestação de escorpiões às margens do Rio Uruguai.

Na mesma localidade, foram achados alguns animais. O Coordenador da Vigilância Sanitária, Adilson Quevedo, ressaltou que o trabalho de monitoramento e orientação à comunidade são essenciais para que se trabalhe a prevenção e assistência à população, bem como, estratégias para a erradicação dos aracnídeos.

Além do mais, o Secretário Municipal de Saúde, José Luiz Rodrigues Machado (Boca), ressalta que os Agentes Comunitários de Saúde estão trabalhando junto a comunidade repassando orientações referentes a todas as epidemias. “É muito importante que a população fique atenta e mantenha a vigilância as suas casas e pátios, pois o escorpião se prolifera em ambientes úmidos, quentes, sujos, com muita coisa em desuso alojada, grama alta, entre outros locais” - explica o secretário.

As amostras recolhidas na residência à margem do rio Uruguai estão para análises nos laboratórios da Faculdade de Medicina de Santo Tomé e da Fundação Osvaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro. Quevedo prevê que saiam laudos a respeito a partir da próxima semana. Existem três tipos de escorpiões, das colorações amarela, marrom e preta, sendo as duas últimas as mais perigosas. Como são resistentes a inseticidas, precisam ser eliminados do ambiente.

Conforme orientações do Ministério de Saúde, no momento que se encontrar um escorpião orienta-se que não o pegue e sim mate-o com algum objeto e confira se realmente morreu – esclarece Adilson Quevedo. Além do mais, em caso de picada a orientação é que se procure imediatamente cuidados médicos, pois, somente o profissional de saúde poderá avaliar o caso e a necessidade do recebimento de soro antiescorpiônico. O veneno do escorpião é neurotóxico e ataca o sistema nervoso central, o que pode ocasionar a morte se não tratado o paciente a tempo.


Fonte: DECOM/Prefeitura de São Borja

 // confira outras notícias
 // comentrios

© 2018 - FlashSB - Levando São Borja para o mundo!
João Manoel, 2600 - Centro - São Borja / RS
Telefones: (55) 3431- 3960 / (55) 9 9962-1270
Desenvolvido por Index1