» FlashSB / Notícias / Economia
02.06.2018 - 228 clique(s)
Rio Grande do Sul tem alta na procura pela converso para GNV desde antes da greve dos caminhoneiros.
 // compartilhar

Procura pela implantação do abastecimento de automóveis por gás natural veicular (GNV) cresceu no Rio Grande do Sul devido à greve dos caminhoneiros. No entanto, ainda antes da paralisação, o sistema já vinha em alta no estado. Segundo a Companhia de Gás do Estado (Sulgás), a conversão cresceu 20% em abril, em relação ao mesmo mês do ano passado.

Geralmente eu gasto em torno de R$ 700, R$ 800 por semana de combustível. Hoje gasto na faixa de R$ 300 de gás para fazer a mesma coisa que eu fazia antes, conta o motorista Luiz Felipe Py, que trabalha por meio de aplicativos de celular.

O dono do carro adaptado com GNV precisa estar preparado para algumas situações novas. Como o cilindro geralmente fica no bagageiro, naturalmente o espaço diminui um pouco. Em compensação, o motorista vai gastar R$ 26 para rodar 150 km.

De acordo com a Sulgás, quem roda entre 80 a 100 quilômetros por dia economiza ao final do mês em torno de R$ 500. Em uma instaladora de Porto Alegre, o kit varia de R$ 4,3 mil a R$ 4,9 mil.

 

 

 

g1

 // confira outras notícias
 // comentrios

© 2018 - FlashSB - Levando São Borja para o mundo!
João Manoel, 2600 - Centro - São Borja / RS
Telefones: (55) 3431- 3960 / (55) 9 9962-1270
Desenvolvido por Index1