» FlashSB / Notícias / Geral
11.01.2018 - 359 clique(s)
Segurada do INSS que recebia auxílio-doença por depressão perde o benefício após postar fotos felizes no Facebook
 // compartilhar

Em novembro de 2013, um perito havia atestado que a profissional apresentava depressão grave e a declarou incapaz temporariamente para o trabalho. Em abril de 2014, outro médico confirmou o quadro psiquiátrico e estendeu o benefício por mais três meses.

A Procuradoria Seccional Federal (PSF) em Ribeirão Preto (SP) demonstrou que a segurada não apresentava os sintomas de pessoas com depressão grave.Por outro lado, as publicações na rede social feitas pela trabalhadora mostram passeios em cachoeiras, acompanhadas por frases que demonstram alegria, como não estou me aguentando de tanta felicidade, se sentindo animada e obrigada, senhor, este ano está sendo mais que maravilhoso.

Com essas provas, o perito reviu o laudo médico anterior. O Juizado Especial Federal Cível de Ribeirão Preto considerou abril de 2014 como a data em que cessou a incapacidade da trabalhadora. A decisão evitou o pagamento de benefício indevido.


Central de conteúdo Maisnova

 // confira outras notícias
 // comentários
© FlashSB / 2012 - Todos os direitos reservados.
Melhor visualizado em 1024x768px. Desenvolvido por index1.